segunda-feira, 4 de junho de 2012

De olho no que come

Não dá pra descuidar com o que a gente coloca no prato.



Porque às vezes a gente acha que tá comendo algo que nos fará super bem, e não é bem assim.

Outro dia eu peguei um bife grande de mais para comer, e pensei: "Ah, bife é proteína, não tem problema ficar com o maior". Mas no final do dia, quando fui fazer as contas, percebi que o bife transformou o meu almoço saudável num almoço super calórico. Bife. Carne. Pois é.....

Por isso é bom fazer as contas no final do dia. A gente sempre aprende algo novo.

Quem quer emagrecer tem que ficar dentro da cota, sempre. E a cota não poder ser ultrapassada por nada, nem mesmo por alface. Porque se de folha em folha, se a gente comer um caminhão, vamos passar às necessidades diárias.

É prestar atenção no que vai no prato, o quanto vai, a que horas comemos...em tudo!



E emagrecer, depois de um tempo a gente percebe, vai muito além de consumir e gastar. Tudo pode ser um agente modificador. A hora, a quantidade, o que se come, como se come.

É.....emagrecer deixou de ser uma ciência. Virou uma arte!


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...