quarta-feira, 20 de março de 2013

Comendo pouco e mais vezes

Todo mundo sabe que para emagrecer é preciso comer pouco e mais vezes ao dia. Tá, nem todo mundo sabe disso. Então fiquem sabendo. O ideal é 5 refeições ao dia. Eu, faço 6.

Isso não é unânime, é verdade. Tem uma tal de Meta Real que prega o emagrecimento com 3 refeições ao dia. Eu respeito isso. Mas prefiro fazer mais refeições com quantidades reduzidas. E vou explicar o porquê.

É algo que eu reparo. Não é algo que li en algum lugar ou coisa do tipo. Mas é algo que pelo que percebo comigo, acho que é assim. Então vamos lá.

A primeira coisa que a gente aprende quando vai fazer uma RA é compensar. Sempre que a gente come de mais em uma refeição a gente compensa na próxima. Sempre que a gente come de mais num dia, compensa no outro. É claro que compensar é importante. Mas ideal mesmo é não exagerar, o ideal é não precisar compensar. 

Porque para emagrecer, precisamos usar a gordura que está no nosso estoque (que geograficamente falando ficar na barriga, no culote, no bumbum...). 


Precisamos comer menos do que precisamos para que o corpo use a gordura do estoque. Isso é emagrecer. Mas com o passar do tempo, percebemos que o corpo não gosta muito de pegar a gordura no estoque. O corpo baixa o metabolismo, e fica um tempo funcionanda na "reseva", na esperança de que chegue comida nos próximos minutos. 


Leva um tempo para o corpo perceber que não vai chegar comida e que ele precisa recorrer ao estoque. Então, o corpo finalmente recorre ao estoque e a gente emagrece. Porque ele pega aquele gordura extra, transforma em energia e a gente queima ela toda. 

Mas quando tentamos emagrecer e ao mesmo tempo o corpo tenta não pegar a gordura do estoque, há um outro efeito: quando o estoque é recorrido, o corpo fica preocupado, ele sente como se tivesse devendo para o estoque. É como se ele pegasse aquela reserva e dissesse: "olha estoque, assim que eu puder, te devolvo". E o corpo é um "cara honesto", tenta devolver mesmo. Então sempre a gente come de mais, e o corpo percebe que você consumiu mais do que precisa, ele pensar: "oba, vou lá pagar o estoque". E ele devolve.


É por isso que o ideal é não exagerar. Porque o ideal é que o corpo não devolva gordura para o estoque. Tá, mas aí podem pensar "e o dia de luxo?". É verdade. Tem o dia de luxo, em que podemos comer mais. Para que o copo devolva mesmo um pouco para o estoque. É verdade. Mas aqui é consciente. Porque quando o corpo pega gordura no estoque e promete devolver, ele fica preocupado com isso. E quando a gente tem o dia de luxo, e o corpo devolve um pouquinho para o estoque, ele relaxa. O corpo relaxa. E o estoque também. E, sim, isso ajuda o emagrecimento. 

Mas quando o exagero é frequente, quando a devolução é frequente isso não ajuda. Porque por mais que você vai queimar mesmo aquilo futuramente, o processo de pegar do estoque e colocar em uso não é simples, não é fácil. Você vai acabar queimando aquilo de qualquer jeito, mas o processo é mais demorado que o de usar algo que já está no corpo. 

Não sei se estou me fazendo entender. Então deixa eu tentar resumir:

Qando você come pouco, o corpo queima aquilo, tenta funcionar na reserva e só depois disso pega um pouco no estoque. Depois de 3 ou 4 horas, você como mais um pouco, e o corpo queima aquilo tudo, tenta funcionar na reserva e só depois pega mais um pouco no estoque. Isso é o ideal.

Mas se em uma refeição come de mais, o corpo devolve um pouco para reserva, e queima parte do que comeu. Aí você come menos na próxima refeição e o corpo queima tudo, fnciona na reserva para só depois, num processo mais lento, pega aquilo que você comeu na refeição anterior e que ele acreditava que era muito e por isso foi estocado e coloca para queimar.  Ou seja, ele nem se quer tocou na reserva que você já tem. Ele pegou foi a reserva recém estocada. 

Claro que se você exagerou, o ideal é mesmo compensar. Tem que compensar. Porque com isso você volta para RA sem que o exagero gere qualquer estrago. 

Mas se você quer mesmo emagrecer, o ideal mesmo, é não exagerar! Porque assim você força o copo a pegar o estoque e você vai diminuindo ele.

Tá louca por algo, quer comer um doce, uma pizza? Deixa pro luxo. Porque aí é consciente e você ajuda o corpo a relaxar no processo e se satisfaz. Mas a grande questão é: esse luxo, esse mini exagero...tem que ser só 1 vez por semana. Se for mais que isso, você estará prejudicando o processo de emagrecimento.

Exaerou? Não se desespere. Compense! Mas aprenda a fazer esses exageros serem cada vez menos frequentes. Isso é RA. É aprender. Se você não está aprendendo com seus erros, isso não é uma Reeducação. Nem mesmo alimentar!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...