segunda-feira, 13 de maio de 2013

O sobe e desce da balança

Ontem eu tava pensando na vida. Na minha vida. E nos meus medos.

Eu tenho medo de falhar. E por isso eu desisto. Ou seja, falho propositalmente. Falando assim parece uma idiotice, mas é o que muitas de nós faz. É o que eu faço.

Enfim, fui ver minhas anotações antigas de dieta e pesagens, e fiz uma descoberta: eu nunca, NUNCA, permaneci numa dieta por mais de 3 semanas. NUNCA.

Eu sei que na vida eu já emagreci muito, várias vezes, mas isso porque eu voltava para a dieta mais rápido do que ando voltando atualmente. Porque a verdade é que eu NUNCA fiz uma dieta por muito tempo. Por quê? Por que eu sei que na segunda semana vou emagrecer muito menos que na primeira, por que não quero fazer a dieta a semana toda e chegar no fim perceber que emagreci quase nada, por que não quero me sentir fracassada, por que prefiro comer o que eu quiser do que me privar e ter um resultado ruim.....tenho muitos porquês. Na teoria nenhum dos meus porquês valem realmente a pena. Mas na prática, na hora em que estou só com uma barra de chocolate, tentando me lembrar porque não a quero, os meus porquês me dominam.

A questão é: saber que NUNCA fiz uma dieta por mais que 3 semanas é assustador. Eu desisto o tempo todo de mim. Desisto de mim e dos meus sonhos. E o resultado disso é que por mais que eu emagreça no final de 1 mês, o meu emagrecimento nunca foi constante. Ele oscila. E oscila o tempo todo. 

É o tão famoso efeito sanfona. Mas de uma maneira diferente do que eu imaginava ser o efeito sanfona. Porque pra mim o efeito sanfona era tipo depois que emagrecer muito, se engorda tudo de novo. Mas no meu caso é um emagrecer-engorda minimizado. Mas no final das contas, é tudo a mesma droga.

E agora que sei disso, quero quebrar este ritual. Quero manter a dieta por mais de 3 semanas. Quero manter a dieta pelo resto da vida. Quero aprender a só sair do programado 1 vez por semana - dia de luxo - e aprender a conviver com meu cardápio limitado no resto dos dias. 

Tá, não é um cardápio tão limitado assim. Eu acho o meu cardápio perfeito para uma dieta. Mas a minha alma gorda diz "não tem batata frita e nem bolo de chocolate, então é limitado". Mas quer saber? O meu cardápio pode ter batata frita e bolo de chocolate, mas só 1 única vez na semana. E eu preciso me acostumar a isso.

Então, é nisso que vou pensar nas proximas semanas. Vou esquecer o quanto quero emagrecer, vou esquecer o quanto estou emagrecedo, vou esquecer de tudo e vou me focar em manter a dieta por mais de 3 semanas e ver o que acontece. E seja lá o que for que acontecer, eu só quero ter certeza de ter feito o meu melhor. 

Quero um emagrecimento constante pela primeira vez na vida. Quero me permitir ir até o fim pela primeira vez na vida. Quero focar no que realmente quero ser pela primeira vez na vida. Quero enfrentar meus medos pela primeira vez na vida. 

Tá, sábado eu viajo de férias, então pode-se pensar que não é um bom momento para querer isso. Mas é um ótimo momento. Chega desse papo de que essas coisas acontecem só de vez em quando, porque isso acontece todo ano. Todo ano eu vou ver minha família nas férias, todo ano a minha mãe vai me ver e traz um monte de guloseimas do ES. Todo ano. Vou ter que me acostumar com isso se quiser ter uma vida saudável. E vou fazer isso por mim agora mesmo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...