terça-feira, 2 de setembro de 2014

Silenciando o mundo

No meu último post eu falei sobre comentários alheios. E depois que eu escrevi, eu fiquei pensando naquilo. E me lembrei de vários episódios parecidos, com pessoas diferente. Parecidos não no tipo de comentário. Parecido no sentido de eu dar valor demais ao que os outros me falam.

Pai, mãe, amigos, parentes, marido......o que eles me dizem me afeta por demais. E eu fiquei pensando nisso.

Afinal, por que será que dou tanto ouvido à opinião alheia?

Por que sou canceriana?

Talvez. Aliás acho mesmo que isso explica muita coisa. Mas se algumas opiniões me fazem tão mal, porque as escuto?

E eu cheguei à algumas conclusões. 

Primeiro: seria mal educado não escutar. Quero dizer, ignorar o que algumas pessoas dizem, simplesmente ligar no automático e simplesmente concordar sem de fato ouvir......isso me parece tão mal educado. Até a pessoa te fazer uma pergunta no meio das asneiras ditas e perceber que você não processou nada.  


Mesmo porque eu só me dou conta de que algo está me fazendo mal depois de processar a mensagem. E então, o que fazer? simplesmente não processar nenhum tipo de mensagem de algumas pessoas? Olha, isso já passa o mal educado e beira a loucura. 

Aliás, esta é a minha segunda conclusão:  Loucura. Eu sou meio sistemática, meio maluca, meio cheia de manias. E como vou saber que as pessoa não tem de fato razão? E se eu estou enlouquecida dentro de mim mesma e as outras pessoas estão, na verdade, dizendo coisas que deveriam ajudar?

De novo....só sei disso depois de muito pensar. E aí, o estrago já está feito.

Pode ser que para algumas pessoa eu esteja dizendo uma tremenda bobagem. Mas pra mim é um problema real. Eu realmente me afeto com a opinião das pessoas sobre mim. Me afeto até demais. Eu sei. Eu tenho que aprender a lidar com isso, eu sei. Mas não sei como se faz. 

Ouvir o que as pessoas tem a dizer é inevitável e até mesmo essencial. Pena que o mundo não sabe a hora de se calar. Talvez seja o caso de eu aprender a silenciá-lo. Não pelo lado de fora. Mas pelo lado de dentro. Quero dizer, não vou conseguir fazer o mundo se calar. 


Não tem jeito. Apesar de você tentar sempre demonstrar uma boa educação, as pessoas não fazem essa mesma questão. Então só me resta fazer silêncio dentro de mim. Para eu poder ouvir a minha própria voz. E ter a consciência de que esta é a voz mais importante. O que realmente impostar é o que você acha. Como você se vê. E para perceber esse tipo de coisa, você tem que se escutar. Tem que fazer silêncio na alma.


Eu sei....se você considerar a sua própria voz como a mais importante, pode ser que você erre. Pode ser que você esteja mesmo louca, ou fazendo a coisa errada e nem perceba. Pode ser que os outros esteja certos, e não você. Mas quer saber? É um risco que eu quero correr. 

Loucuras todo mundo tem. Erros todos comentem. E se for para cometer erros, que pelos menos seja os meus. Se for pra enlouquecer, que pelo menos as loucuras sejam minhas. E eu começo a pensar que essa valorização de si, não é nada mais e nada menos que amor próprio. E por mais louco que isso possa parecer, se amar nunca é errado.

4 comentários:

  1. "Até a pessoa te fazer uma pergunta no meio das asneiras ditas e perceber que você não processou nada. [...] "
    Tão eu que as vezes é até chato..rsrsrs...preciso de muita força de vontade pra prestar atenção no que os outros dizem! Oh como preciso!

    Só a opinião de algumas pessoas muito especificas me afeta... não sei se isso é bom ou ruim... Procuro não pensar muito nisso... e seguir ignorando o resto...rsrs... (todo mundo já me acha avoada mesmo... pra que mudar? kkk)

    Beijo gata! saudade de vc no meu zapzap...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sabe que é uma boa tática....não pensar muito nisso, segui ignorando grade parte do mundo e se cercar só que é essencial. Mas eu tenho um medo profundo de esquecer algo do lado de fora. Acho que eu tenho que entender que algumas perdas são inevitáveis...tenho que aprender tanta coisa....será que vai dar tempo?

      Excluir
  2. Silêncio na alma... Acho que foi uma das coisas mais profundas que você já escreveu. Isso requer esforço e a gente se esquece o tempo todo; mas precisamos disso....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obriga pelo elogio....bem. Fazer silêncio na alma não é fácil. Estamos tão acostumadas a ouvir o que as outras pessoa tem a dizer, que parar para escutar o que nós mesma temos a dizer é bem estranho. Mas o caminho é por aí. Ninguém pode viver sua vida por vc. Fazer as escolhas por vc. Vc tomar as rédeas da sua vida é a maneira mais inteligente de viver, e de ser feliz........bjsbjsjsb

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...