sexta-feira, 31 de outubro de 2014

Semana mais curta

Sim, justamente essa semana que eu precisaria que fosse mais longa (que durasse uns 20 dias).....ficou mais curta.

Esse semana teve o dia do funcionário publico, e a empresa do marido transferiu o feriado pra hoje. Então a semana (que eu me empenho mais) ficou mais curta e o find (que é bem difícil de lidar) ficou mais longo. 

Com o Marido em casa eu não vou conseguir me dedicar como eu gostaria à RA e à AF. 


Mas tudo bem, não estou reclamando. Ele merece descansar e eu gosto de passar o dia com o Marido. Vou aproveitar isso então. 


Sem falar que os cachorros são os que mais gostaram da ideia.....tadinhos.


Resumindo...eu precisando tanto malhar para correr atrás do prejuízo, mas hoje o dia - provavelmente - será assim:


Bora aproveitar o que der então....

Frutas que emagrecem

Outro dia falei das frutas e seus benefícios. E esta semana, no blog Contar Para Emagrecer vi uma linque para uma reportagem muito legal sobre frutas.Gostei tanto que resolvi colocar aqui.

As frutas fazem um bem danado pra saúde, e se você ainda não se convenceu de incluir mais frutas no seu cardápio, aqui vão mais alguns motivos.


 Frutas que emagrecem

A melhor forma de conseguir emagrecer é investir em uma dieta pobre em calorias e rica em frutas que emagrecem, tais como morango, banana, pera e melancia.

Confira uma lista com várias frutas capazes de ajudar a emagrecer mais rápido:

1. Morango: O morango ajuda a emagrecer pois contém calorias negativas, isto é, o corpo gasta mais calorias na sua digestão do que as que a fruta possui. Além disso, é rica em ferro e em vitamina C, sendo um bom anti-inflamatório natural. 100 g possui apenas 45 calorias.

2. Banana: Rica em triptofano, tira o desejo de comer doces, sacia a fome e cada uma contém entre 87 e 120 calorias, dependendo do tipo e do tamanho. A banana, quando consumida antes de malhar, diminui ainda o risco de cãibras, por ser rica em potássio. Ela também é ótima para o café da manhã, pois diminui a fome ao longo do dia. A banana assada no forno ou no micro-ondas com alguns cravos da índia constitui uma ótima sobremesa.

3. Pera: A pera ajuda a emagrecer porque é rica em fibras, que ajudam a melhorar o trânsito intestinal e tirar a fome. Ela ainda ajuda a regular os níveis de colesterol no sangue. Uma pera grande tem, em média, 85 calorias. Peras assadas com canela também são uma ótima sobremesa que, além de deliciosa, ajuda a emagrecer.

4. Melancia: Contém calorias negativas e é diurética, auxiliando no combate ao inchaço. Também ajuda a regular os níveis de açúcar no sangue. Ela abaixa a pressão e é considerada um alimento afrodisíaco. 100 g de melancia contém apenas 24 calorias.

5. Kiwi: Dentre os benefícios do Kiwi, estão o combate à prisão de ventre e a capacidade de saciar o apetite. Rico em vitamina C, é diurético e 100 gramas possui apenas 46 calorias.

6. Maçã: A maçã ajuda a emagrecer pois é rica em antioxidantes, regula os níveis de colesterol e de triglicerídeos e ajuda na digestão. Uma maçã grande possui, em média, 81 calorias. A maçã assada com canela ou cravo da índia contém poucas calorias, é deliciosa e é uma sobremesa muito nutritiva.

7. Mamão: Diurético e rico em fibras, facilita a eliminação das fezes e combate a barriga inchada. O mamão é bom para ajudar no controle da diabetes e aliviar os sintomas da gastrite. 100 g contém, em média, 85 calorias. Uma fatia de mamão picado com 1 potinho de iogurte natural é uma ótima opção para o lanche da manhã.

8. Limão: É diurético, rico em vitamina C e um potente antioxidante, que elimina as toxinas e deixa a pele mais viçosa. 1 limão possui, em média, 22 calorias. Tomar uma xícara de chá da casca de limão diariamente é uma ótima forma de consumir o limão sem açúcar e aproveitar todos os seus benefícios.

9. Abacaxi: O abacaxi ajuda a emagrecer pois é rico em água e em vitamina C. O abacaxi combate a retenção de líquidos e deixa a cintura mais fina. Quem não gosta do sabor ácido do abacaxi pode experimentar o abacaxi assado no forno com canela em pau.

Recomenda-se comer 1 porção de frutas à cada refeição, totalizando 5 ou 6 frutas por dia. Preferencialmente, deve-se ingerir de 2 a 3 frutas diferentes por dia, seguir uma dieta hipocalórica e associar a prática regular de exercícios físicos à rotina, para conseguir emagrecer mais rápido.

Fonte: Tua Saúde

E olha que legal, teve frutas que apareceram aqui, na matéria das frutas que emagrecem, e apareceram lá na reportagem das frutas e seus benefícios. Ou seja, temos motivos em dobro para incluir elas no nosso cardápio. E são elas: 

- banana
- melancia
- morango
- pêra
- abacaxi
- limão
- mamão

Vamos nessa, incluir mais frutas no nosso cardápio então......

quarta-feira, 29 de outubro de 2014

Margarina X Manteiga

Para exemplificar ainda mais meu post sobre Margarina ou Manteiga? aqui vai um vídeo de um canal do Youtube que eu adoro chamado Do campo à mesa. Vale muito a pena seguir eles. Segue eles lá. E quem puder, ajude na vaquinha para manter o canal no ar. 


Manteiga ou Margarina?

Depois de muito ler sobre o assunto, resolvi fazer um post (imenso) sobre qual seria a melhor escolha: manteiga ou margarina? 

Trago aqui muitas citações literais aos sites que visitei. Mesmo porque acho que ninguém tá muito interessado na minha opinião. O importante mesmo é o que dizem quem realmente entende do assunto.....então vamos lá:


Por muito tempo, a manteiga foi considerada vilã por conta da gordura saturada. Hoje, sabe-se que essa gordura, em pequena quantidade, não é tão maléfica como se pinta. “Essa gordura está presente no leite, queijo amarelo, carne vermelha. Com moderação, em pessoas saudáveis, ela não vai trazer problemas à saúde. Não é criminoso passar um pouco de manteiga no pão, desde que a pessoa não esteja com o colesterol alto”, explica o nutrólogo Roberto Navarro.

A moderação a que o médico se refere são duas pontas de faca – aquela “raspadinha” que se dá na manteiga – por dia, ou uma colher de sobremesa diária. Assim, quem está com a saúde em dia vai se beneficiar das vitaminas que a manteiga proporciona.

Por outro lado, a margarina é criticada porque em seu processo de fabricação há a hidrogenação do óleo, o que gera a famigerada gordura trans. “O óleo vegetal não tem como virar pasta, então a indústria descobriu que, quando joga hidrogênio no óleo, ele fica com aquela textura. Essa gordura é muito maléfica à saúde, muito mais que a gordura saturada, faz um estrago muito maior nos vasos sanguíneos, eleva risco de infarto e AVC por entupir os vasos”, explica Navarro.

Mas há uma ressalva: teoricamente, de um tempo para cá, a indústria não está mais usando a gordura trans hidrogenada. “Ela foi retirada, mas não sabemos ainda como. Então, a margarina está livre de gordura trans, mas ficamos sem saber se o processo é confiável ou não”, explica.

Inclusive, acrescenta Navarro, a margarina agora pode diminuir o colesterol. Há marcas que acrescentam fitoesterol - encontrado em alguns vegetais -, que ajudam a controlar o colesterol. A recomendação máxima de ingestão de margarina também é a mesma da manteiga: uma colher de sobremesa por dia.

Outra questão que coloca tanto manteiga como margarina na parede é a oxidação. Gorduras que oxidam, nos “enferrujam” por dentro. “Todo processo de oxidação tem potencial de entupir mais os vasos sanguíneos”, explica Navarro. Nesse quesito, a manteiga sai ganhando, por ter potencial mais baixo de oxidação. A margarina é por si só oxidada.

A questão das gorduras

Nada parece ser tão polêmico há tanto tempo como as gorduras. Atualmente, ainda bem, já sabemos que existem duas categorias delas: as que ajudam nosso corpo a funcionar melhor e, por isso, são INDISPENSÁVEIS, e aquelas que realmente não fazem bem.

Uma dúvida que ainda existe é se a margarina é realmente melhor que manteiga por ser de origem vegetal. A ciência tem dessas coisas, mas (ainda bem!) evolui por meio de pesquisas. O que era ótimo ontem, pode não ser amanhã. Veja os casos do ovo, do abacate e do próprio coco: antigamente condenados, hoje queridíssimos da nossa saúde.

"Lendo uma revista que herdei da minha avó, de outubro de 1956, vejo a foto abaixo, com o texto que narra a visita de nutricionistas à fábrica de margarina e como elas ficaram impressionadas com o valor nutricional do produto. Provavelmente, se eu vivesse naquela época é possível que eu tivesse pensado o mesmo, diante das pesquisas", disse a nutricionista Carol Moraes.

Com o tempo, a manteiga foi sendo deixada de lado, cedendo seu espaço na mesa do café da manhã para a margarina que, por sua vez, ganhou o rótulo de alimento saudável, deixando para a primeira o estigma de vilã. Mas seria mesmo ela assim tão melhor? 

Qual a diferença entre manteiga e margarina?

E é por aí que gostaria de começar, falando dessa diferença fundamental entre as duas. Em resumo, a manteiga é de origem animal e feita da nata de leite batida. Ponto final. E a margarina? Bem, a margarina. Ela vai precisar de um parágrafo inteirinho para a explicação de como é produzida.

De origem vegetal, a margarina é resultado de um processo chamado hidrogenação. Nele, as moléculas de hidrogênio são incorporadas às de gordura de maneira artificial, em altas temperaturas. É o calor que transforma a gordura insaturada em parcialmente saturada. Também durante a hidrogenação, as moléculas de gordura viram gordura trans e saturadas. Entendeu a diferença?
 
Manteiga ou margarina? Manteiga!

Em especial por causa das calorias e das gorduras saturadas, a coitada da manteiga ficou ali esquecida, no canto, pois supostamente engordaria e provocaria doenças cardíacas. Mas hoje ela começa a reconquistar seu espaço.  Sabe-se, por exemplo, que o consumo de gordura trans - da margarina - é nocivo, tanto que hoje é obrigatório (mas tem como burlar) ser identificado no rótulo. E ele está na maioria das margarinas. Para se ter ideia, a tal gordura é quase igual ao plástico.

Já sobre a manteiga, descobriu-se que além do sabor e de ser um alimento (e não um produto alimentício, existe sim uma diferenças entre essas duas coisas), ela contém muito mais que se imaginava. Mas como tudo na vida, vale o equilíbrio na hora de consumir, principalmente para quem segue algum tipo de dieta restritiva. O importante, acima de tudo, é pensar na origem do que se come. O seu projeto é verão pra vida toda, não é? Portanto, COMA COMIDA.


Agora.....vem as informações achadas no site Fechando o Zíper. Adoro este site. Me ajuda muito. Todo produto que tenho dúvida, olho lá. E no caso da manteiga e da margarina não foi diferente. Fui procurar, e lá estava a matéria deles:


É óbvio que Margarina é mais saudável do que Manteiga! Ou não? 

Vamos ver se esse filme já não passou pela sua casa também… 

Consumia-se MANTEIGA, porque seus pais utilizavam quando pequenos assim como seus avós e todo o restante dos seus antecedentes… Todos apreciavam o gosto daquela manteiga derretida no pão quentinho pela manhã. 

Um belo dia, descobriu-se que a gordura saturada presente na manteiga fazia mal ao coração, então a indústria alimentícia inventou a MARGARINA! Aí os pais sabidos bem que diziam desconfiar da tal manteiga dos dias atuais, que devia fazer mal mesmo, até porque “nem rançosa ficava”! E passaram a adotar a margarina, afinal era super cremosa e até mais fácil de passar no pão de todos os dias. 

Até que chegou o FDA (órgão norte-americano que controla alimentos e medicamentos) determinando que a quantidade de gordura trans contida nos alimentos, inclusive na nossa margarina, fosse expressa na embalagem por também aumentar o risco de doenças no coração.

 E agora?!


Agora a indústria descobriu a gordura INTERESTERIFICADA que nada mais é que misturar gordura saturada com óleos vegetais para dar ao óleo uma consistência mais sólida a tempertura ambiente e que se derreta ao cozinhar.

Estudos são inconclusivos sobre os possíveis riscos/benefícios do consumo da gordura interesterificada. Alguns afirmam que pode reduzir a secreção de insulina, hormônio responsável pelo controle do “açúcar no sangue” (glicose sanguínea).

Até o momento, nada de alarde quanto a essa gordura ou obrigatoriedade de aparecer no rótulo, mas essa historinha tem se repetido, não é mesmo? Então, fiquem ligados! Na lista de ingredientes a gordura interesterificada pode se fantasiar de “óleo de soja interesterificado” e “rico em estearato“. E a gordura trans também pode aparecer disfarçada de “óleo vegetal hidrogenado” ou “óleo vegetal parcialmente hidrogenada“. 

Já que estamos falando da margarina e da manteiga, vamos às comparações das informações nutricionais: (clique em cima da figura para ampliar) 



Valor energético: da para considerar que as duas tem as mesmas calorias. Em uma colher de sopa, essa quantidade de calorias é bem alta. 

Gorduras: percebam que a gordura total é praticamente a mesma nos dois produtos, o que diferencia é a qualidade da gordura. Como sabemos, quanto mais gorduras insaturadas (que são as mono e poliinsaturadas) e menos gordura saturada em um produto, melhor. Mas, lembre-se que a margarina apresenta a tal gordura interesterificada enquanto a manteiga não. 

Colesterol: as empresas não são obrigadas a citar o colesterol a não ser que elas especifiquem 1 tipo de gordura além da saturada, a qual é obrigatória. A Qualy® quis ressaltar as gorduras boas da margarina, por isso informou no rótulo todos os tipos de gordura. Infelizmente a Aviação® não apresentou a quantidade de colesterol que a manteiga possui. Como ela é de origem animal, ela possui colesterol! 

Sódio: pegamos os dois produtos na versão com sal para mostrar que em 1 colher de sopa do produto, ingerimos de 3 a 4% da quantidade máxima de sal diária. Por isso, sempre opte pela versão SEM SAL. 

Vitamina A: informar a quantidade de vitamina é opcional no rótulo. É uma pena que a Aviação® não tenha citado a quantidade de vit A, pois a manteiga possui essa vitamina e o que normalmente ocorre é de adicionarem a vit A às margarinas para se equipararem à manteiga. 

Vamos dar uma espiadinha nos ingredientes também: 

Margarina: óleos vegetais líquidos interesterificados, água, leite em pó desnatado reconstituído, soro de leite em pó desnatado reconstituído, sal, vitamina A adicionada, estabilizantes, conservadores, antioxidantes, aroma idêntico ao natural de manteiga, corantes. Se leram até aqui, parabéns! Isso que poupei vocês dos nomes de todos os “…antes” da lista de ingredientes 

Manteiga: creme de leite, cloreto de sódio e corante natural de urucum INS 160b. 

Mas, então, hoje em dia ainda temos um outro personagem. Só para dificultar ainda mais a nossa escolha, que é o Creme Vegetal. E eu também fiz uma pesquisa sobre ele:

Creme Vegetal: amigo ou inimigo do seu coração?
 
O assunto manteiga x margarina deu margens para questionamentos sobre o CREME VEGETAL. Será que o creme vegetal é bem mais saudável do que a margarina? Por que não é bom cozinhar com o creme vegetal? Você também possui essas dúvidas? Vamos conferir juntos o Creme Vegetal Becel®?

Afinal, o que é Creme Vegetal? Segundo a legislação: "É o alimento em forma de emulsão plástica, cremoso ou líquido, do tipo água e óleo, produzido a partir de óleos e/ou gorduras vegetais comestíveis, água e outros ingredientes, contendo no máximo 95%(m/m) e no mínimo 10%(m/m) de lipídios totais”.

Boniiiita definição, não é mesmo? Mas, e na prática…. O que isso significa?

Significa que o creme vegetal obrigatoriamente deve possuir água e óleos vegetais ou gorduras vegetais como ingredientes. Já a margarina, além desses ingredientes deve possuir leite ou derivados.

Assim, a grande diferença entre margarina e creme vegetal é que este último apresenta menos calorias por, normalmente, não conter leite e seus contribuintes (apesar de que pode conter tais ingredientes de maneira opcional).

O detalhe é que em ambos poderá ocorrer modificação desses óleos ou gorduras, no todo ou em parte, por hidrogenação e/ou interesterificação.

Vamos explorar um pouquinho mais a Becel® agora. O seu rótulo destaca:



0% gordura trans

Está correto, ao invés disso utiliza óleos vegetais interesterificados, como vimos na margarina Qualy®. A gordura trans comprovadamente causa problemas cardiovasculares, mas ainda não se tem nada comprovado em relação ao uso da interesterificação.

Com ômegas 3 e 6

Sim, esse ácidos graxos são bons para o coração e são provindos dos óleos vegetais encontrados na sua composição.

Um pouco mais escondido, abaixo da tabela nutricional, estão os dizeres:

Não recomendado para frituras

Por que será?! Perguntamos ao fabricante e recebemos a seguinte resposta via email: “Informamos primeiramente que a Becel não é recomendada para frituras, devido à baixa quantidade de gordura em sua formulação. Quando utilizado em substituição às margarinas com maior teor de gordura, sem um balanço prévio da receita, o resultado pode não ser satisfatório“.

Não congelar

Nunca fizemos essa experiência, mas vamos à resposta do por quê não pode… Para tanto também obtivemos a resposta por contato com fabricante: “Quanto ao congelamento da Becel, ele não é recomendado, pois pode ocorrer alteração na estrutura da emulsão e o produto pode perder parte da sua consistência“. Ta aí, não vai querer que isso ocorra em casa!

Comparando-se o creme vegetal com a margarina encontramos:


Valor energético: aqui vamos dar uma de advogadas do diabo apontando que a diferença entre as calorias das duas se dá basicamente pela quantidade de gorduras totais. A primeira vista, vamos achar que a Becel® é melhor porque contém menos gorduras totais. Maaaaas, se formos olhar para o tipo de gordura discriminada abaixo, veremos que a Becel® possui 1,1g a menos de gordura saturada do que a Qualy® (o que é bom!), porém também possui 3,1g a menos de gorduras insaturadas (o que é péssimo!). Assim, retirando-se essas calorias referente às gorduras insaturadas que a Qualy® tem a mais, as calorias da porção de ambas praticamente se equivaleriam.

Ômega 3 e 6: infelizmente só temos os dados da Becel®. Provavelmente a Qualy® também teria esses ácidos graxos, porém arriscamos a dizer que em menor quantidade do que a Becel® por ter óleos vegetais além de leite e soro de leite em sua composição.

Sódio: a Qualy® tem um pouco menos, mas ambos tem bastante pensando na porção… Ainda mais se vamos fazer aquele sanduba com pão francês, presunto e queijo. Por isso, prefira sempre as versões SEM SAL.


Becel ingredientes: 


Quanto aos ingredientes, abriremos os olhos para 2, além do que já alertamos em relação à interesterificação dos óleos vegetais:


1.Antioxidante TBHQ: tertiary butylhydroquinone (TBHQ) é usado para evitar que os óleos fiquem rançosos. É um derivado do petróleo. Nos Estados Unidos, houve uma pressão da indústria para aprovar esse antioxidante o qual foi aprovado porém não pode exceder 0,02% do óleo contido no alimento. Altas doses podem provocar náusea, delírio e som de sino nos ouvidos. Ai ai ai…

2.Antioxidante BHT: butylated hydroxytoluene (BHT) também é usado para retardar a rancidez em óleos e produtos contendo óleos e gorduras. Estudos tem mostrado que podem ser carcinogênicos em experimentos com animais.

Classificação do Fechando o Zíper: Fique Esperto!

Preferimos os produtos os mais naturais possíveis. Uma sugestão para evitar o uso de creme vegetal e margarina é seguir o hábito dos Gregos e usar o azeite de oliva para deixar o pão “molhadinho”. Claro que, por se tratar de um óleo, deve-se ter o cuidado para não exagerar, pois qualquer descuido com a porção se paga caro com a quantidade de calorias extras.
Fonte: Fechando o Zíper, Saúde, Fale com a nutricionista, Fechando o zíper (sim, de novo)

Bom, este texto enorme foi apenas para fundamentar a minha opinião. Eu não sei a de vocês, mas agora vou dar a minha: já faz um tempo que eu ando consumindo a manteiga

Simplesmente por ser um produto mais natural. Esta é a base da minha dieta: comer o que é mais natural, mesmo que seja mais calórico. E se for mais calórico, maneirar nas porções. 

E vou dizer uma coisa....ando procurando uma manteiga de verdade por aí e estou com uma dificuldade danada de achar. Falo da manteiga que meus avós usavam (e que deve ser ainda mais calórica que as de hoje em dia, tudo bem, mas acredito que é mais natural e saudável ainda). As que se compram hoje - pela cor- está mais pra margarina que pra manteiga. Mas a minha busca continua, e a hora que eu achar....compartilho com vocês.

E grande questão é: eu acredito que daqui uns anos a idade média das pessoas vai começa a cair. Principalmente por conta da alimentação. Nem sabemos o que estamos ingerindo hoje em dia, com produtos industrializados cheios de corantes e aromatizantes. E eu decidir ir no caminho contrário: buscar uma alimentação mais natural. E acho que o corpo agradece. 

Enfim...por essas e outras, eu prefiro a manteiga. E você, o que prefere?

terça-feira, 28 de outubro de 2014

Desistir.....nunca!


Como perder 1 mês em 1 semana

Se quiser saber como perder 1 mês em 1 semana.....pergunte pra mim. Porque já estou ficando expert nisso. Não que isso seja uma qualidade....muito pelo contrário. É um defeito. Mas são coisas que me acontece. Ou melhor, são coisas que eu faço a mim mesma.

Bem....vamos aos fatos. E para quem não percebeu, este é o post de notícias da semana. E perder 1 mês em 1 semana foi o que, em resumo, aconteceu. 


A minha semana não foi nada boa...todo dia tinha algo a mais na minha dieta. Na sexta teve Happy Hour, no sábado teve comilanças com o marido e no domingo churrasco na casa da vó. Eu me joguei na linguiça e no pão de alho. E, definitivamente, isso não poderia acabar bem....vim de 1 mês ininterrupto de dieta, com meu metabolismo um pouco mais lento que o normal. Resultado? Bem....vamos ao VERGONHOSO resultado:


Não é força d expressão. Se me perguntarem o que eu perdi esta semana, devo dizer: perdi 1 mês.

Na segunda eu percebi CHOCADA não apenas que eu tinha engordado quase 3 quilos. Eu percebi que tinha acordado mais pesada do que quando comecei o Projeto Festa de Confraternização da Empresa do Marido. E isso é inaceitável. 

Então me lembrei do post da Vivi da quinta passada.  Faço questão de colocá-lo aqui. E ela disse:

"Oeeeee xente!

Vocês nem sabem o que essa cara de pau que vos fala descobriu hoje: eis que tenho avaliação marcada para segunda-feira na academia, e como estamos velhas de saber, só correr e treinar não faz milagre, né? Meu peso tava igualzinho da última avaliação, até um pouco a mais! Aí o que essa pessoa, adulta, madura e responsável pelos seus atos faz? Levanta a cabeça, assume que comeu que nem um urso louco e encara de frente, certo? Errado! Tô me exercitando que nem louca desde ontem pra tentar melhorar a situação até segunda! Aí ontem de manhã eu estava pesando 62,7 kg de pura falta de vergonha na cara! Fiz meus trajetos para o trabalho e para casa andando (72 minutos), corri no intervalo (6,6 km), e chegando em casa ainda dei uma dançadinha no Xbox, totalizando quase 2 horas de atividade física e quase 1000 kcal queimadas! Além disso comi minhas 1200 kcal e tomei meus 2 litros de água e hoje de manhã o peso tava lindo lá: 61,7 kg! 

Não façam isso em casa crianças, mas mais uma vez temos a prova de que é matemática simples, temos que gastar mais do que consumimos, simples assim, né?

Como vocês estão??? Saudades de visitar todo mundo, mas tá tenso, tenho trabalhado muuuito!
Se eu não aparecer até lá, quando tiver o resultado da avaliação venho mostrar!
 
Beijos a todxs, amo vocês!"

Pois é.....isso que a Vivi fez é o que eu sempre faço. Sempre. Eu nem sabia que uma pessoa adulta, madura e responsável faria algo diferente. Mas ela deve ter razão. Mas isso que ela fez (malhar em 1 único dia tudo o que não malhou durante toda semana) é exatamente  o que eu faço. 

E é o que eu fiz. Por isso que não postei ontem o resumo da semana passada. É claro que eu não tinha intenção de eliminar tudo que tinha engordado. Claro que não. Sou realista também. Mas eu queria mostrar comprometimento pra mim mesma. Queria mostrar PRA MIM que eu estava empenhada, e estava falando sério. Que o resultado desta semana que passou foi um DESASTROSO descuido, e que ele seria DE ALGUMA FORMA compensado. 

Ontem retomei à malhação em sei nível máximo. E hoje já acordei com 1,1 kgr a menos. Pesagem oficial de hoje:


Sim, 89,4 quilos. De volta à casa dos 80.

Eu sei que ainda tenho muito o que dizer sobre a última semana, mas fica para outros posts. Mas tem algo que não posso deixar de dizer neste: o meu plano de metas.

É claro que ele passou a ser quase que inatingível. Eu sei. Mas não vou desistir dele. E também não vou seguir ele. Vou esperar 2 semanas. E nas próximas duas semanas vou fazer o meu melhor. E depois disso avalio o que poderá ou não ser feito. Não vou pensar nisso agora. Por hora só quero me dedicar à RA e à AF. Vamos ver o que consigo fazer até o fim do ano.

E para quem acha isso estranho, essa coisa de malhar demais.....deixa eu explicar uma coisa: todo mundo tem uma carta na manga. Quando se encontram no desespero total, algumas fazem dieta da sopa, outras cortam carboidrato, fazem Dukan, detox, algumas vivem de alface e água. Eu não sei fazer nada disso. Eu nunca nunca nunca restrinjo na alimentação. É uma parte muito delicada do processo pra mim. Então o meu jeito de compensar é gastar mais. E nem estou pegando tão pesado. Estou malhando 2 horas por dia. Sendo 1 hora de tarde e 1 hora de noite....então ainda não estou no grau loucura total. Ainda não. Mas se precisar.....eu chego lá!

sábado, 25 de outubro de 2014

Happy Hour

Ontem eu e o marido fomos na Happy Hour com o pessoal da empresa dele. Bom...como eu tinha dito antes, resolvi ir. E fui. 


A noite foi bem boa. Mas eu fiquei meio sem jeito. Apesar do marido ter super insistido para eu ir junto, eu era a única que não trabalhava na empresa. E o único casal completo era nós (eu e o marido) e um outro casal que os dois trabalham lá. Fora isso, estavam todos desacompanhados. As mulheres e os maridos ficaram em casa enquanto eles se divertiam no bar. 

E sobre isso quero muito fazer uma observação. Nem deveria fazer, mas quero: essa coisa do casal ter liberdade de sair com amigos....é balela. Não entra nessa. Tá, sei que precisamos respeitar o espaço do companheiro....mas vamos ser francos aqui (é para isso que o blog serve), se o meu marido quiser sair só com os caras.....ainda ficarei braba, muito braba...mas engolirei o orgulho, e direi "tudo bem". Mas se o meu marido quiser sair com os caras e as manas.....olha, aí a casa cai. Ele já fez isso, eu já passei por isso, em um período que nem quero me lembrar. 

Agora deixa eu me justificar: teve carinhas lá que se comportaram? Sim. Eles existem. Um até se comportou tão bem, que até mandei uma mensagem pra esposa dele (que ficou em casa com a filinha, e que é minha amiga) dizendo pra ela não se preocupar, que ele realmente teve um comportamento nota 1.000. Eu também sou amiga de outras esposas, que....enfim, não poderia jamais mandar mensagem alguma, mas que deu vontade de dizer: "olha....hoje deixa ele dormindo no sofá, e mesmo assim, é pouco".....ahhhh, eu tive. 

O quero dizer é.....mulheres, homens e vários drinques é uma combinação que pode dar certo, mas tem tudo pra dar errado. Pronto. Falei. 

Mas vamos nessa, voltar à mim. Afinal isso é o que importa....kkkkkkk

Fomos num boteco maneiríssimo chamado Pedrini. Olha que lugar lindo:


Pediram uma batata frita....bem típico de boteco. Não resistir e comi algumas. Mesmo por que eu tava morrendo de fome. Foi quando eu percebi que precisava vasculhar o cardápio a procura de algo um pouco mais saudável. Achei um tal de sanduíche aberto. 


Vem vários sanduichinhos com pão integral, e no meio, frango grelhado.....foi a melhor pedida do ano. Minha noite até que teria sido perfeita se não fosse pelos 2 (sim, DOIS) Alexsander.

É eu eu estava olhando o cardápio e um amigo do meu marido dizendo "pede Pinã Colada". Bom Pinã Colada é feita com leite condensado. Eu adoroooooo, mas aí o estrago seria grande demais. Preferi, então, optar pelo Alexander que é com creme de leite ( e que hoje descobri que é super calórico igual....drinque é drinque).

Eu nunca tinha provado e adorei. E por cima ainda tinha canela polvilhada.....imagina....AMO CANELA. Amei o tal do Alexsander. Amei. 


E pra quem quiser fazer....eis a receita:

 (mas como eu disse, o meu estava polvilhada com canela)

Nem preciso dizer que já anotei a receita. Preciso?

E o meu super look do Happy Hour:


Então, resumindo, a noite estava bem boa. Eu tava mesmo era fazendo tempestade em copo d'água. Mas ao mesmo tempo, a noite de ontem abriu bastante meus olhos, e eu pude ver que em algumas coisas....Fernanda bem que tem razão!

sexta-feira, 24 de outubro de 2014

Look para Happy Hour

Aproveitando essa coisa de eu ter Happy Hour hoje, e aproveitando a imagem que usei no outro post, olha que ideia legal de look pro Happy Hour.

Já vou deixar claro que não é assim que eu irei hoje. Espero um dia poder ir assim, daqui uns 10 quilos a menos, quem sabe. Mas achei muito legal a ideia. Olha só, você vai trabalhar de calça jeans, uma camisa branca, pode até ter um casaco:


E na hora do Happy Hour, você tira o casaco e coloca o corselet....dando um UP incrível no look. Olha só: 


Adorei a ideia. Adorei!!!!

Fica lindo, sexy, charmoso......fenomenal!

Eu vou

Como eu já tinha dito.....hoje a noite tem uma Happy Hour com o pessoal da empresa do marido. E eu estava super decidida a não ir. Entretanto, depois de pensar um pouco percebi que isso não era justo com ele, o marido. 

Enfim, ele trabalha tanto, se importa tanto, e no bar estará o pessoal e suas respectivas esposas....e ele sozinho. Não é justo. Ele estaria sendo punido por minhas neuroses. E não que ele não tenha culpa nenhuma....kkkkkkk....mas é uma briga interna. Eu e eu mesma. Enfim....resumindo. Depois de vasculhar todo meu guarda-roupa e ter certeza de que encontraria algo para vestir, disse a ele que eu vou. Resolvi ir. E quando eu estiver indo, deixarei toda a neurose em casa e tentarei participar do encontro. 


Como eu disse.....quando eu estiver saindo de casa. Por que até lá vou enlouquecer. Ainda não malhei hoje, não sei se vai dar. Tenho algumas coisas para resolver. 

Entre elas......um corselet  novo. 

Ahhhhh, deixa eu explicar. 

Apesar de estar bem longe da minha meta, algumas roupas já estão entrando em mim. Não como deveria. Ficam meio apertadinhas em alguns lugares que não deveriam ficar....faz parte. Resolvi, então, colocar em prática uma ideia antiga: comprar um corselet underbust para usar por baixo da roupa. Corselet por cima da roupa eu já uso. Normal. E adoro....a cintura fica tão fininha....mas este é aquele modelo que pega pra baixo do peito. Só na barriga mesmo. 


Claro, este modelo eu também posso usar por cima da roupa. E com toda certeza irei. Mas o foco hoje é usar por baixo..só pra afinar a cintura e chapar a barriga. E vocês podem me perguntar: e porque não usa uma cinta? Acredite em mim: nenhuma cinta faz por você o que o corseet faz. E sem falar que o corselet é MUITO mais sexy.

Como eu disse, essa ideia é bem antiga. Tanto que já até comprei. Dois Underbust super baratos. Mas eles levam um tempão pra chegar. E ainda não chegaram. Esse que eu comprei hoje era pronta entrega, aqui de Porto Alegre. A guria vai me trazer aqui em casa. Comprei pelo Face Lavie Corselet. Paguei uma fortuna.....mas é o preço de ter um hoje, agora, já. 

Já escolhi a roupa, os acessórios ( e isso me dá uma sensação de "ufa!") e tudo mais. Esperando meu corselet chegar, e se der tempo, ainda vou malhar. Porque o objetivo não é a festa de hoje e nem a de dezembro. O objetivo é a minha vida. E eu quero mudá-la de vez para nunca mais ter que passar por essas maluquices de novo. Vamos nessa!

Nathalia Teixeira

Tem uma guria que sigo no face chamada Nathalia Teixeira. Ela também tem um blog, mas gosto mesmo é de acompanhar no face.

Eu nem sei o que dizer sobre ela. Não sei mesmo. E como dizem que uma imagem vale mais que mil palavras....vamos às imagens:

Esta é Nathalia Teixeira......a linda, sensacional, super mega perfeita Nathalia Teixeira:


E como eu nem sei o que dizer sobre ela....vou apenas mostrar o antes e o depois. Olhem só:



E a página dela sempre tem milhões de comentários. As pessoas querendo saber o que ela fez, como ela fez, em quanto tempo ela fez.....olha, tem opinião pra tudo. Mas isso não importa. O que realmente importa é onde ela estava e onde ela chegou. Ela é uma inspiração pra mim, uma prova de que é possível. Porque olha onde ela chegou.....



Pois bem, estou falando da Nathalia porque hoje entrei no face e li um texto dela que achei super inspirador. E quero compartilhar com vocês:



"Ontem escrevi esse email... Queria compartilhar publicamente; Não tenho um conselho diferente do que já dou todos os dias. Mas quero te afirmar que já estive aonde você está ou talvez até mais no fundo do poço. Fazia mil planos e promessas e não conseguia cumprir nem pela metade. Me sentia fraca e uma perdedora.

Quando cansei de desistir, mudei a minha maneira de pensar. Mudei completamente meus pensamentos. 

Temos que trabalhar nossa mente para poder seguir o plano e nossas promessas! Colocar na cabeça que temos que comer para viver e não viver para comer. Falar "não" agora para os nossos desejos não vai nos matar. Temos que resistir e sacrificar agora para alcançar nosso objetivo. E depois que alcançar, e com cada mudança, temos mais motivação para continuar. Lembre, que no início não tem motivação, temos que lutar diariamente até começar ver as mudanças. Aí sim, você vai começar a ter motivação.

Força linda!! Não desista! Lembre que comida não é fonte de alegria e tristeza. "O tempo vai passar de qualquer maneira, independente de você mudar ou não. A frustração é inútil. Use o tempo a seu favor."
Se cair, respire fundo, levante-se, sacuda a poeira e comece tudo de novo.

E depois de ler fica aquela sensação de "acho que ela escreveu isso pra mim". E na verdade foi. Foi pra todas nós. 

quinta-feira, 23 de outubro de 2014

Sabotagem

Esta semana eu ando um tanto displicente. Acho que pelos não-tão-bons-resultados das últimas semanas. E tudo começou na segunda. Que subi na balança e não encontrei o número que eu queria. E na segunda de noite fomos no cinema. Eu e o marido. 


Ganhamos ingressos para uma pré-estreia, com direito a pipoca e bebida.....tudo de graça. Ganhei de uma loja (por ser VIP - para terem uma ideia de como compro coisas por aí) para o evento no mesmo shopping. O marido adorou a ideia. Acho que na verdade ele tem uma noção real dos fatos. Acho que era melhor eu ser completamente controlada nas compras, e pagar uns R$ 50,00 reias para ir no cinema, do que ser um descontrole só e ganhar ingressos de graça.....enfim...isso é discussão para um outro post. 

Fomos no cinema assistir "Drácula - a história nunca contada". Não é meu estilo de filme. Tava mais pro estilo do marido. Mas até que o filme é muito bom. Tirando os exageros de Hollywood, até que o filme é bem interessante. Recomendo.


Então, estávamos no cinema. Eu, o marido, e as pipocas. Eu ganhei uma e ele outra. Não resisti.....ajudei a acabar com as coitadas. Ahhhhh, e devo dizer que adorei a saidinha. Quero dizer, estou bem longe de onde eu quero, mas tão melhor que há 2 meses atrás.....adorei encontrar uma roupa dentro da vastidão do meu guarda-roupa que desse em mim....me produzi, e lá fui eu, exibir o velho corpinho novo. Fui assim:


Adoro meu vestidinho de poá da TVZ. Adorooooo. E foi uma felicidade vê-lo entrar em mim DE NOVO. 

Tá, então, depois de segunda.....da sessão matinal com a balança e a pipoca no cinema de noite, a minha dieta não foi mais a mesma. Aquela pipoca....desestabilizou ainda mais.


Não que eu tenho enfiado o pé na jaca. Mas como eu disse...tenho andado displicente. Todo dia tem algo fora do planejado. Uma farofa no almoço ( e eu já tinha me libertado dela), as pimentas em conserva (também tinha me libertado dela). O marido comendo chocolate de noite e eu roubando uma fileirinha.....tudo assim, uma coisa aqui, outra ali....pra quem veio de um momento difícil na dieta, justamente por estar com o metabolismo desacelerado....não quero nem ver o tamanho do estrago. Me peso novamente só na segunda. 

Mas a questão é........mesmo assombrada com a Festa de Confraternização da Empresa do Marido, eu meio que me sabotei essa semana. E eu, mergulhada nessa culpa, nessa desmotivação temporária, nessa nuvem negra......neste exato momento, o marido chega pra mim e diz: "o pessoal do serviço nos convidou para sair na sexta".

Eu nem tenho como explicar o que foi isso pra mim.  A minha sensação ao ouvir essas palavras.....a turma do trabalho...espera aí, to no Projeto da Festa da Confraternização da Empresa do Marido justamente para que eles me vejam linda, e agora eles querem me ver agora. Agora? Nem por um milagre eu estaria pronta agora....na verdade, se eu não tivesse avacalhado tudo desde Abril, eu estaria pronta agora...mas não estou. 

Não se trata de achar uma roupa que me sirva (como foi o caso do cinema). É achar uma roupa que fique fabulosa em mim. E eu não atingi ainda este nível. Ainda não. "Não!" foi a minha resposta. Eu disse mesmo: "Não vou. E se você quiser ir, fique a vontade.". Mas disse isso querendo dizer: "experimente ir sozinho e eu te mato!".....kkkkkkkkkkkkkkkk...devo confessar. 

E tudo isso serviu pra me lembrar porque é que eu tava tão focada no Projeto da Festa da Confraternização da Empresa do Marido. Se eu tivesse seguido a linha desde segunda, e começado a malhar em vez de fazer pequenas sabotagens eu estaria um pouco melhor....não estou. E não se trata apenas do pessoal da empresa do marido, ou ele sair sem mim....sim, porque o evento vai acontecer. Sempre acontece, sempre tem algo acontecendo. 


Se trata de mim....eu não me sentir pronta, eu não estar a vontade com minha aparência, eu ter colocado tudo a perder pela milésima vez (e não falo de segunda pra cá, falo de abril pra cá). Eu tô cansada disso. Não se trata do Happy Hour da sexta, ou da Festa de confraternização. Se trata da minha vida. Se me sentir pronta pra ela. De me sentir feliz comigo. E toda essa história me lembrou do que eu realmente quero pra mim.

E eu comecei a malhar hoje!

quarta-feira, 22 de outubro de 2014

Modelos de Vestido de Crochê

Tá....hoje tirei o dia pra falar de crochê!

Que, aliás, está super na moda. Se você adorou a ideia da mulher que teceu o próprio vestido de noiva de crochê, mas enfim, já casou e essa coisa de noiva não te pertence mais....aqui vão alguns modelos lindos de crochê pra usar no dia-a-dia. 

Modelos curtos:







Modelos longos magníficos:






Só uma observação que não posso deixar de fazer. O que vou dizer é puramente a minha opinião, mas me sinto na obrigação de dizer:

O crochê é algo assim...que pode ficar fantástico, mas pode ficar super brega, ultrapassado. Temos que ter cuidado ao escolher o modelo, e principalmente  a cor. Olha, o que vejo coisas lindas de crochê com cores horrendas. Então, assim, o crochê é algo com muitos detalhes por natureza, então na hora de escolher, vamos procurar escolher uma cor mais neutra, porque assim não tem erro. Pronto. Falei. 

Se você souber escolher o modelo e a cor.....não tem erro.....ficará fantástica!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...