quinta-feira, 27 de agosto de 2015

The Biggest Loser - Nova Temporada

Depois de malhar tanto assistindo o Chris Powell, hoje resolvi assistir a nova temporada no The Biggest Loser, que já tem uns 20 episódios gravados no HD.

Demorei pra voltar a assistir porque andava muito cansada do joguinho dos participantes. Isso me irrita. Não importa o que está em jogo, se é dinheiro, se é beleza, se é sua vida.....você precisa ser uma pessoa honesta e justa. Fazer conchavos para permanecer numa determinada posição é algo que os políticos fazem e que nós reprovamos. A mudança começa na gente. Precisamos ser diferentes. 

Mas enfim.....decidi começar a assistir a nova temporada.


E hoje foi o primeiro episódio, onde os participantes falam sobre suas vidas, tem a primeira pesagem, eles conhecem os treinadores......aquilo tudo que sempre acontecem.

E quando vi aquela academia cheia de super obesos e a Jillian e o Bob entrando sorridentes e vendo todos aqueles participantes com gordura extra...eu pensei uma coisa que eles – os treinadores – não devem ter pensado. Mas eu pensei.

Tanto que a Alison perguntou o que eles sentiam em entrar ali e ver aquelas pessoas e eles responderam:  “é como voltar pra casa....”. Então, não acho que a Jillian e o Bob pensam como eu...mas pra mim, foi inevitável. Eu pensei.

Ao ver a Jilian e o Bob sorrindo ao ver aquela academia cheia de obesos, eu pensei: “lá vamos nós, vai começar tudo de novo”.

“Gente, acabamos de resolver a obesidade de umas 20 pessoas e quando entramos aqui tem mais 22. Isso não vai acabar nunca? Não importa quantas pessoas a gente ajude, sempre vai ter milhares de outras destruindo suas vidas com a obesidade”.

Repito....eles não pensam assim. Claro que não. É o trabalho deles, ganham pra isso. Mas EU pensei. 

E fiquei com pena dos dois. É como tentar carregar água na peneira. Precisamos ajuda-los. Não seja você o próximo a precisar deles – mesmo porque não tem aqui no Brasil. Não seja você o próximo aumento no número de obesos. Não seja aquele que precisa fazer uma cirurgia, ou que precise de um remédio, ou que vai precisar morrer tentando emagrecer. Não seja Você.

Faça algo e faça agora. Faça por você. Porque você merece isso. E faça por eles.....gente....eles precisam de férias.....kkkkkkkkkkkkk

Mas depois que a primeira dupla subiu na balança, o Bob leu minha mente e disse: “Essa é a realidade das famílias americanas. Ninguém está escutando a gente?” e olhou para câmera e disse: “se você não fizer nada, te verei aqui, nas próximas temporadas.”

É disso que estou falando. Não seja você na próxima temporada. Comece a mudar hoje.  Agora. Não espere, nem mesmo, pela segunda-feira.

8 comentários:

  1. Realmente... não podemos esperar pra amanha.. temos que começar hoje, temos que começar agora..
    Esta semana estava vendo um reportagem sobre o índice o obesidade, e nos últimos 10 anos cresceu muitoo.

    Vamos pensar em nós hojee, agoraa..

    Beijoos

    Letícia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, e nos últimos anos os alimentos tiveram um aumento em açúcar e no tamanho da porção. Não estou excluindo a nossa culpa, estou dizendo que hoje em dia, engordar é muito fácil. Muito muito muito fácil. Temos que abrir o olho e sair dessas estatísticas. Passar para o lado dos magros nesses números.

      Bora lá.
      Bjsjbsjbs

      Excluir
  2. Caramba... suas palavras doeram lá no fundo. Na verdade nós somos os culpados pelo que fazemos ao nossos corpos. E só nós temos o poder da mudança. Se fazemos uma cirurgia achando que só ela dará jeito no nosso problema de obesidade, ela tende ao fracasso. Na verdade o que é mais difícil é mudar essa cabeça de gordo que temos... Mas tudo tem jeito. Beijo grande!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, mudar o corpo é difícil, mas mudar a cabeça é muito mais. Nós somos os responsáveis por nossos destinos e tá na hora de usar isso a nosso favor.

      bjsjbsjbs

      Excluir
  3. Oii Fe

    As vezes acho que as pessoas ficam de braços cruzados esperando serem chamadas para um programa desses! Bah, acho que a maioria, se não, não haveria tantos obesos -.-'

    Também não sei o que pensar ao certo, pois a mudança tem que partir da gente.

    Beijos
    Poli

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Entendi completamente o quer dizer....e é uma verdade. Porque do que tem de gente - e eu- querendo emagrecer para um evento enquanto deveríamos estar bem para a vida.

      Verdade.

      Excluir
  4. Essa já é a realidade de mais da metade dos brasileiros... Temos que lutar contra isso!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim. Infelizmente! E não quero fazer parte desses números.

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...